BEM VINDAS

QUEM GOSTA DE MAMAS

sábado, março 29

Clímax sexual.



Não tenho palavras,
nem sei como descrever,
mas gosto imenso,
quando acabas de me lamber.

by mghorta




Escravo do sexo.



Estou pronto para te servir,
faz de mim o que quiseres,
imagina as formas que desejas,
sou teu e me entrego,
meu corpo não me pertence,
faz-te dona dele de corpo e alma.

by mghorta



Corpos de tesão.


Cerro os olhos e vislumbro-te,
respiro teu perfume banana,
molho-me no teu corpo suado,
beijo e acaricio tuas mamas hirtas,
ouço teus gemidos sumidos,
toco teus lábios vaginais demoradamente.

Cerro os olhos e quero-te,
beijo teu sexo molhado,
gemes prazenteira-mente,
sinto teu corpo ardendo,
sinto teu hálito quente,
abro os olhos e mamo-te desenfreadamente.

by mghorta


Momentos escasseiam...


Meu corpo é teu,
sabe te perceber,
consegue te sentir,
vai encontro do teu,
numa dança corporal,
doido por te sentir.
O tempo escoa,
momentos escasseiam,
a vida deixa de fluir,
para minha alma libertar,
sonho perdidamente,
na loucura de rever-te,
na esperança de prender-te,
na insanidade de ser teu!

by mghorta

Broche de prazer.


Quero tua boca em meu gémeo,
chupando vagarosamente,
rigidamente até teu contorcer,
me matando de prazer.

Quero tua boca em meu gémeo,
degustando e lambendo,
provando meu sémen de modo saboroso,
abundante e precioso.

Quero tua boca em meu gémeo,
me fazendo gemer, vibrar e estremecer,
bebendo seiva melada e quente,
desenvergonhada e ardente.

by mghorta

Voraz sexo.


V islunbro teu corpo nu sobre a cama
O momento ideal para beijar tua vulva
R eclino-me em direcção à tua cona faminta
A conchego minha língua nos teus lábios vaginais húmidos,
Z elo por te dar gozo e saciar tua tesão
M antenho teus lábios vaginais hirtos e molhados
E m torno dela mordendo até ao clímax
N o dançar de língua movimentos vorazes
T ransformo tua cona num vulcão fervescente 
E spalhando sémen na minha cara de satisfação.

by mghorta


Jogo sexual.


Enrosca tuas

pernas no meu corpo,
sente meu gémeo
abrir caminho
na tua fenda húmida,
exposta e molhada,
cabeça roça nas bordas,
deslizando para teu infinito.
Beija meu pescoço e mordisca,
mordisco teu bicos hirtos,
coxas vão e vem,
socando os gémeos,
rebolo tesudo,
enlouqueço na tua tesão,
na vontade e volúpia do teu cio,
gozados despejamos sémen,
misturado em mel,
escorre pelo gémeo,
beija-o até secar,
saciados ficamos,
regressamos de novo ao jogo,
Enrosca tuas
pernas no meu corpo,
sente meu gémeo
abrir caminho
na tua fenda húmida...

by mghorta





Sinto-me morto...


... tomara morrer,
nada mais faria,
tenho incertezas,
caminhos da vida vã,
impedem-me de viver,
pensamentos desnorteados,
obscenidade em meus sonhos,
desejam que esteja morto,
não tenho medo,
é mais impotência,
não sou ignorante,
pelo contrário,
é a clarividência...
de querer estar morto.

by mghorta






quinta-feira, março 27

Procurei outro alguém...



Já tentei de tudo,
procurei outro alguém,
mas não consigo te esquecer,
não sei o que sinto,
atracção ou paixão,
tudo em ti mexe comigo,
será amor ou dores de coração!
Tentei desaparecer,
percorrer outros caminhos,
mas tua presença sempre aqui está,
me deixa sem jeito e sem respostas.
Falas que sonhas comigo,
mas continuo acordado,
nos teus olhos em sinto,
que não consegues me esquecer.
Por mais eu queira parar,
não deixo de pensar em ti,
procuro outros corpos,
beijei outras bocas,
mas não eras tu...
Já tentei de tudo,
procurei outro alguém,
mas não consigo te esquecer.

by  mghorta






Pecados mortais.


Sou nem bonito nem feio, sou eu.
Não sou o diabo, mas peco.
Sou bom, mas não sou anjo.

by mghorta     (Citando Marilyn Monroe)





Sombras do passado...


... é o que resta de mim,

não posso fugir do real,
sinto medo quando me revejo,
preciso hoje de um ombro,
queria tanto partilhar minhas sombras.
Minha irreverência continua presente,
as sombras me perseguem,
por mais que fuja das mesmas,
mais me incompleto,
ouço murmúrios de dores,
o infinito mistério me confunde,
a noite reforça maldosamente meu passado,
no silêncio recordo momentos,
são revelados profundos segredos,
transformam meus sonhos em pecado.
não adianta fugir para longe,
elas me perseguem ferozmente,
fazendo-me regressar ao passado.

by mghorta



quarta-feira, março 26

Possui-me.



Transfere de ti para mim tua tesão
esse desejo violento de explosão,
não careça em ti todo o meu pau,
nem te falte o que tens de sobra.

Perdure em mim o que em ti é excesso,
recuperamos os momentos perdido,
cresça e desenvolva-se os nossos sentidos,
nunca desapareça nossa vontade de foder.

Possui-me e não te importes de gritar,
multiplica-te e faz que nada me falte,
existe em mim e em ti um encaixe indivisível,
onde não se subtrai metades, somos uno.

by mghorta

Sangra tua essência.


Folheei imagens,
nelas estão o rasto de minha saliva,
partes de teu corpo e teu tesão,
em minha língua lânguida,
despertas o desejo dos dedos,
teus seios viciados de caricias,
beija-me... beija-me...
espalha a loucura em mim,
desnuda-te e sangra tua essência,
monocromático gozo,
orgasmos cintilantes,
resulta de tanto folhear imagens.

by mghorta

terça-feira, março 25

Mãos trémulas.

Teclo sem razões,
escoam-se promessas,
o Sol escoa no no horizonte,
imagens apagam-se,
esvoaçam imagens
com sabores a saudade,
será um Adeus permanente!
Perdeu-se a magia,
gostaria de te tocar
olhar as marcas do teu rosto,
secar tuas lágrimas,
afagar teus cabelos desalinhados
nas minhas mãos trémulas
suadas de cansaço
deixam esvoaçar desejos
na ausência do teu corpo
a dor aumenta a carência. ..
Desenhei horizontes
teclando ferozmente
em páginas desenfreadas
procurando o Amor,
encontrei desamor
recolhendo desafores
pelas mãos trémulas.
Percorram-se estações
quando a Primavera desponta,
algemado aos passados
recordo com magia
o passado acordado,
algo morto ficou lá
por isso as mãos tremem.
A dor da falta de Amor
fazem fluir palavras sem anexo,
formando poemas desalinhados
na esperança de corpos aninhados,
são apenas mãos trémulas
procurando por uma só vez Amor.

by mghorta





segunda-feira, março 24

Sonho encarnado..



Tenho vontade louca,
de beijar tua boca,
amarrar teus cabelos,
beijar teu corpo inteiro,
abraçar, encher-te de afagos,
jogar meu corpo no teu, 
morder teu pescoço,
olhar teus olhos vidrados de gozo,
por fim ouvir-te dizendo,
domina minha alma, sou tua.
Façamos um acordo:
seremos intensos, inteiros,
honestos e verdadeiros,
no verão dormimos nus,
no inverno inebriamos com vinho,
faremos amor e sexo selvagem, 
no clímax do sonho encarnado,
sussurras baixinho para mim,
obrigado, obrigado, obrigado... 
sou toda tua meu anjo.

by mghorta

Sou instantes.


Só preciso dois segundos,
dois estalares de dedos,
num instante me arrepio,
ao terceiro eu fico tesudo,
tua silhueta me enlouquece,
teu perfume me embala,
teu calor emana tesão,
torno-me eu tão eu,
e tão ninguém,
entregando meu corpo,
exposto aos prazeres,
estes instantes de amor,
apenas tu me podes oferecer. 

by mghorta



De Gif's adultos


Sei que nada sei...


Palavras melodiosas escritas,
acabam em poesia,
seria assim se eu soubesse tudo,
como sei que nada sei,
muito menos o que outros sabem,
faço interligações com o real,
não fico à espera de elogios,
nem ouço imbecilidades de outrem,
choro emocionado pela actuação de perseguidores,
continuo sendo eu e não o que outros queiram que eu seja.

by mghorta

Desejos.


Não me quis levar por ti,
meu desejo em teu corpo me arruína,
sou frágil e minha carne pecado,
dependente de teus caprichos,
minha mente diz não,
meu corpo diz: 'Te quero'.

Não prevejo futuro,
passado sumiu-se,
presente é inconstante,
mas não deixo desejar estar contigo.

Mas que desejo insano,
leva-me à loucura,
tira a minha lucidez.

O tempo passa,
chances morrem,
vislumbras-te pela  manha,
eu aqui te esperando.

Tempo não perdoa,
desejava regressar ao passado,
recomeçar de novo,
desejos renovados.

Quem sabe te encontrar de novo,
ficar contigo para sempre,
não passa de um desejo meu,
pois o tempo que tenho,
deixou ser verbo de amar,
mas não deixa de ser um desejo meu.

by mghorta

domingo, março 23

Meu silêncio...



... é como súplica,
porque nele vive um mar sem ondas,
nele posso navegar sem rumo,
não suscites nem me indagues,
porque respostas não obterás,
deixa-me ser feliz silenciado,
assim tão longe de ti e tu de mim.

Perdeu-se a vida quando tanto desejava,
soubemos sofrer enquanto nosso amor durou,
mas o tempo passou,
vivemos calmaria...

... não me perturbes porque vivo em paz,
ouvir tua voz seria,
me afogar bebendo tuas lágrimas salgadas.

by mghorta  (citando  Miguel Torga)

Problemas de silêncio.


As pessoas falam de mim, 
comentam que tenho problemas de silêncio,
meu único problema é estar acordado,
nesse tempo folheio momentos,
me considero um bom conversador,
mais do que um poeta falante,
sinto felicidade em estar calado,
passando a vida sonhando,
é coisa de pouca monta,
continuo me perguntando,
porque alguém se preocupa,
a razão de ter meus silêncios.

by mghorta

Ontem fomos felizes.


'' Fala comigo, diz-me coisas diferentes.
  Fala-me de coisas que pareçam ontem.
  Ontem é que estávamos bem''.



De EROS

sexta-feira, março 21

Horrível sanidade.



Carrego em mim os genes da leviandade, nos ombros o peso insaciável de amar, o constante desejo de ser preenchido, completo, seduzido.
O mundano parecer quando a entrega é total, ao fugir da noção da realidade, com o passar do tempo solto as amarras da vida para enterro de paixão e tesão.
Tenho em mim os genes do amor, adoro corpos estropiados pelo sexo, os fortuitos momentos do pecado sem freios e pudores.
Amo corpos sexuados, adoro o odor característico que se solta da pele suada das amantes. Amo os corpos perdidos em partilha, desprovidos, perfumados, nus, justificados pelo desejo, opulência e volúpia.

''Tornei-me insano, com longos intervalos de uma horrível sanidade.''
                                                                                                         (Edgar  Poe)

by mghorta



Sou um tolo!



Eu sou um tolo por te querer
Eu sou um tolo por te querer
Por querer um amor que não é verdadeiro
Um amor que está lá para outros também
Eu sou um tolo por te prender
Um tal tolo por te prender
Para buscar um beijo não só meu
Para partilhar um beijo o diabo conhece
E outra vez eu disse que a deixaria
E outra vez eu fui embora
Mas aí viria o tempo que eu precisaria de você
E mais uma vez estas são as palavras que tenho a dizer
Me aceite de volta, eu te amo
Tenha pena de mim, Eu preciso de você
Eu sei que é errado, isto deve ser errado
Mas certo ou errado eu não posso continuar
Sem você.
I’m a Fool to Want You - Frank Sinatra

Não quero mais amar.


Não quero mais ninguém,
não quero mais amar,
não fui feliz porque o destino não quis,
meu primeiro amor morreu,
era flor tenra de idade,
era um botão de amor,
seus espinhos macios,
dilaceraram meu coração.

Semeei  amor,
desde que nasci,
minha vida sentenciou,
perdi o fulgor da juventude,
tentei sonhar,
mas tudo se esfumou.

Rio-me de lembrar o passado,
nunca soube o que é amor,
muito menos se fui amado,
não minto mas posso jurar,
foi simplesmente um sonho,
não querer mais ninguém,
não quero mais amar.

by mghorta (citando Cartola)



De GIF's

quarta-feira, março 19

Lambe meus lábios vaginais.




LAMBE   MEUS LÁBIOS VAGINAIS
ATÉ  QUE TUA LÍNGUA SE CANSE
SEI QUE ADORAS E EU GOSTO.

Louca em mim.


Sorri porque quero beijar tua boca,
respirar tua vulva com paixão,
vê-la escorrer húmida de tesão,
ver-te tesuda e fervente,
puxar tuas coxas para meu pau,
dizendo coisas com malícia,
sem freio estão nossos corpos,
quero-te louca em mim,
degustar tudo  em ti,
na tua boca ser homem,
sentir tua respiração ofegante,
cheirar teu perfume delirante,
sem ciumes entra em mim,
para que de ladex estejamos uno,
na cama acetinada e desarrumada,
dormir-mos juntos saciados.

by mghorta


Clímax de tesão.


Teus lábios vaginais sem pelos,
delineados e deliciosos,
molhados e provocantes,
coxas abertas  e pernas,
com minha boca abre espaços, 
beijando e  molhando,
penetrando de língua,
devagar e degustando teu mel,
sentir teus aiii'sss de gozo,
lambendo sofregamente teu leite,
até ao clímax de teu tesão Amor.

by mghorta



De EROS

Noite de sonho



Meu tesão



Seduz-me!


Seduz-me
Roça teu corpo no meu
Quero que me toques
Que me beijes
Que me mordas
Que me lambes
Repara como estou tesudo
Sedento de ti
Implora-me
Ordeno-te!
Possui-me sem permissão!

by mghorta

Dominação sexual








Teus Ossos foram minha vontade, 
tua carne meu travesseiro,
desejo esperar dormir em ti.


by mghorta


Prisioneira sexual



Quero  te  aprisionar  como  boa 
menina para todos papéis que me faltam.

by mghorta

Amar balouçando.







Gosto de ser jogado com mestria de amor.

sexta-feira, março 14

Sexo por descobrir.



Quero te redescobrir cada dia,
anseio e desejo-te satisfazer,
para saberes quem és e eu também,
me surpreendo por vezes em demasia.

by mghorta






De Gif's adultos

Lambe meu pau.




LAMBE MEU PAU,
ATÉ  GARGANTA SE CANSE,
SEI QUE ADORAS E EU GOSTO.





De Gif's adultos

Meu tesão.



Se te atreveres vem,
me possuiu e abusa-me,
tenho prazer para te dar.
Se tiveres coragem,
se quiseres pagar para saber,
vem sem medo, forte e nua.
Caso não queiras desafiar tua sorte,
permanece longe do meu leito,
cheia de tédio e solidão,
temerosa e mesquinha,
sem sonhos a completar,
não se aproxime não,
não despertes mais meu Tesão.

by mghorta 


Sexo frustrado.


Sexo sem amor,
corpos em entrega física,
orgasmos vazios e frustrantes,
somos possuídos pela insatisfação.

by mghorta

Carência de amor.


Amanheci doente,
fala alto minha carência,
hoje queria somente um pouco de amor,
talvez umas palavras tuas de conforto,
um sorriso mesmo que fosse maroto,
ou um simples beijo fugido,
o suficiente para aliviar minha dor.

by mghorta




Infidelidade.


Nas noites observo,
penso em ti todo o momento,
mas hoje vou pensar em mim,
no vazio que existe na minha vida,
as noites mal dormidas,
a falta de amor,
lágrimas escorridas,
quando a solidão me mata,
por tua causa,
que interessa é a verdade,
tu te divides e mentes,
fugindo de quem te ama,
observo minha cama,
não aqui estás,
tua infidelidade é brutal,
que mata meu corpo mortal,
não te ofendendo,
quero te dizer uma verdade,
o homem que possuis não te satisfaz,
com sobras de intimidade,
isso me leva mais a querer,
que um dia não voltes mais.

by mghorta



VOLTE DE NOVO

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...